PERIGO IMINENTE

População, inclusive pessoas idosas do grupo de risco, se aglomeram em bancos, lotéricas e filas de vacina; orientações da Saúde Pública não estão sendo respeitadas


Postada em 06/04/2020 16:02:54 | Atualizada em 06/04/2020 22:00:42

 

“As pessoas não têm o direito de serem irresponsáveis”, disse hoje o prefeito de Nova York, numa alusão ao fato de pessoas não estarem conscientes do momento crítico que representa para sua saúde, desrespeitando as orientações dos órgãos de saúde pública.

E se não liga para a sua saúde, que respeite o seu semelhante, que nada tem a ver com a sua irresponsabilidade.


Aqueles que podem, devem FICAR EM CASA; quem não pode, se desempenha atividades essenciais, devem respeitar todos os protocolos e orientações; idosos e pessoas do grupo de risco, que saiam quando estritamente necessário, apenas para resolver questões inadiáveis, mas se protegendo, mantendo distância de outras pessoas.


Situação que vem preocupando é ver que em cidades como Eunápolis e Itabela, imagens que circulam em mídias sociais mostram pessoas se aglomerando, verdadeiros amontoados se acotovelando em bancos, lotéricas, com a complacência dos banqueiros e proprietários de casas lotéricas.

Por isso que o governador da Bahia “esbravejou” dizendo que “os bancos precisam coçar o bolso”.


Mas o pior é constatar os problemas em filas de vacinas, onde pessoas idosas, grupo de risco, permanecem sob os olhares do poder público cometendo toda sorte de procedimentos indevidos, favorecendo a transmissão e contaminação pelo coronavírus, sem que providências sejam tomadas.


As pessoas não têm o direito de serem irresponsáveis, como disse o prefeito de Nova York, mas o poder público, banqueiros, donos de casas lotéricas, não têm o direito de tripudiar com a vida das pessoas, achando que o problema não é deles.


Que Deus nos livre disso, mas pode estar chegando a hora da população não mais receber sugestões, orientações, mas ser compelida a cumprir determinações para que não cheguemos ao caos na saúde pública, ainda mais do que estamos passando e do que está sendo projetado.


Péssimos exemplos


Ninguém deve achar engraçado e muito menos se mirar em péssimos exemplos de vereador que promove festinhas e dancinhas nas redes sociais, nem naqueles que saem de suas cidades com casos positivos de Covid-19 e vêm para cidades como Itabela e Guaratinga, por exemplo, que não têm casos positivos, e essa gente acha que está de férias, lotam os botecos e fazem farras como se nada de grave estivesse acontecendo ali e ao seu redor.


 

Por: CliC101 | Idalício Viana

 

contato@clic101.com.br
73 98108.5898 | 73 8112.0914

© 2013 - 2020 todos os direitos reservados www.clic101.com.br
CliC101 Mais Conteúdo. Desenvolvido por: Welisvelton Cabral  

 

 

 

 

 

 

X