POLÍTICA

João Roma comenta crescimento na pesquisa para governador da Bahia


O destaque do ministro acontece em um momento em que o mesmo ainda não se posicionou sobre a sua participação na disputa do governo baiano.
Postada em 21/07/2021 14:43:11 | Atualizada em 21/07/2021 14:45:00

 

Na última terça-feira (20), foi divulgado o levantamento feito pelo Instituto Real Time Big Data com as intenções de votos dos baianos para ocupar o cargo do Governo da Bahia em 2022. Conforme a pesquisa, com o apoio do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), o atual Ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos) aponta com 15% das intenções de voto. Sem o apoio do chefe do Planalto, Roma fica em terceiro lugar na disputa e se mantém com apenas 4% das intenções.

 

O avanço do ministro nas pesquisas, que aparece como terceira via de opção para o governo do estado, acontece em um momento em que o mesmo ainda não se posicionou sobre a sua participação na disputa do governo baiano.

 

Em viagem com destino a Tóquio, onde representará o governo brasileiro na abertura das Olimpíadas, o ministro conversou com a equipe da Tribuna da Bahia, onde comentou sobre a pesquisa: "Aproveitando o ambiente esportivo, posso afirmar que um atleta só sai com medalha no peito se tiver o desempenho esperado na hora certa.  Uma pesquisa com tanta antecedência é só uma fotografia do momento" disse.

 

Roma ainda rechaçou sobre a possível candidatura. "Hoje, dedico meu tempo, empenho e garra para cuidar e apoiar os brasileiros que mais precisam.  É a partir do trabalho, compromisso e disciplina que construímos como possibilidades" finalizou.

 

O crescimento de Roma nas pesquisas preocupou o senador Jaques Wagner, pré-candidato ao governo da Bahia pelo PT: "De qualquer forma, considero uma novidade o crescimento da chamada terceira via, que eu nem acreditava muito, mas que percebo que está se viabilizando a partir do palanque do presidente da República”.


A pesquisa

A pesquisa realizado em 79 municípios baianos, mostra que ACM Neto (DEM) lidera a opinião pública com 35% das intenções com o apoio de Ciro Gomes (PDT). Sem o apoio, Neto continua em primeiro com 41%. Em segundo lugar aparece Jaques Wagner (PT), com o auxílio do ex-presidente Lula (PT), o candidato fica com 29% das intenções, sem o apoio, Wagner contabiliza os mesmos 29%. Já o candidato do PSOL, Hilton Coelho (Psol) tem 2% das intenções. Com auxílio de Guilherme Boulos (PSOL), Coelho vai a 2%.

 

O levantamento também mostrou que 11% dos entrevistados votariam brancos e nulos. Enquanto 15% não souberam ou não responderam a pergunta. A pesquisa foi realizada entre os dias 13 e 15 de julho, com 1.200 pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para cima ou para baixo, com nível de confiança de 95%.


Quem é João Roma

O atual ministro da cidadania do governo Bolsonaro, é formado em direito e foi eleito em 2018 para exercer seu primeiro mandato como deputado federal, representando a Bahia. No parlamento, assumiu posições de destaque e defendeu pautas importantes, como o Marco Legal das Startups, a Reforma Tributária, agricultura, inclusão digital e ações que venham a trazer mais dignidade para aqueles que mais precisam.

 

Roma foi participante da Academia Internacional para Dirigentes da Fundação Friedrich Naumann para a Liberdade em Gummersbach, na Alemanha, e ex-vice-presidente da IFLRY (Federação Internacional de Jovens Liberais). Fundada na Inglaterra, em 1947, tem entre seus antigos diretores diversos parlamentares e primeiros-ministros.

 

Suas experiências na gestão pública foram se fortalecendo com passagens pelo Ministério da Cultura em Pernambuco, Governo de Pernambuco, Ministério da Administração, além da Agência Nacional do Petróleo (ANP). No período de 2003 a 2018, Roma foi chefe de gabinete da prefeitura de Salvador.

 

Na atividade parlamentar, Roma foi indicado membro titular da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), também foi eleito presidente da Medida Provisória (MP) 870/2019, que discutiu as competências e a estrutura básica dos órgãos e autarquias do Governo Federal. Como deputado, João Roma presidiu, ainda, a Comissão do Marco Legal das Startups e foi relator da Reforma Tributária, duas importantes pautas com potencial para destravar a economia, fazendo o país avançar e estimulando a geração de empregos.

 

 

Por: CliC101 | Tribuna da Bahia

 

contato@clic101.com.br
73 98108.5898 | 73 8112.0914

© 2013 - 2021 todos os direitos reservados www.clic101.com.br
CliC101 Mais Conteúdo. Desenvolvido por: Welisvelton Cabral  

 

 

 

 

 

 

X